[Vídeo] MIT dá superpoderes virtuais pela atividade cerebral


01 mar 2016

Quem nunca fantasiou um dia ter algum dos poderes dos super-heróis como voar, levitar objetos, ou ver através de roupas ou de paredes?

Alguns desses poderes tornam-se possíveis, pelo menos no ciberespaço, com um novo projeto chamado PsychicVR, criado pelo Fluid Interfaces do MIT.

Usando Realidade Virtual, o sistema integra um headset (Oculus Rift) com um controlador Leap Motion, para que o usuário tanto possa ver em 360 graus como ver suas próprias mãos.

Mas, algo mais sofisticado vem incorporado nesse sistema: a equipe do MIT acrescentou um dispositivo de interface cérebro-computador (Muse), que detecta a atividade cerebral em tempo real, de forma não-invasiva. Ao “ler” as ondas cerebrais usando uma série de sensores de EEG, o nível de atividade é alimentado de volta para o usuário através de conteúdo 3D nesse ambiente virtual.

Como resultado, quando o usuário fica focado ele é capaz de fazer mudanças no ambiente 3D e controlar seus poderes. À medida que vai pensando, ele pode realizar algumas proezas através de uma série de cenas, como ver através das paredes como o Superman, ou disparar fogo pela mão como o Tocha Humana.

PsychicVR da Fluid Interfaces (Vimeo).

 

Segundo os desenvolvedores, o sistema aumenta a atenção e ajuda a alcançar níveis mais elevados de concentração, enquanto entrete o usuário.

A possibilidade de misturar todos esses modos na interface do MIT – Realidade Virtual, rastreamento de movimento e leitura da mente – parece que poderá levar a um novo avanço em experiências imersivas.

Saiba mais pelo site oficial aqui.

Deixe seus comentários abaixo


Redação O Futuro das Coisas
Redação O Futuro das Coisas

O Futuro das Coisas é dedicado a trazer conteúdo exclusivo em inovação, tecnologia, educação e medicina numa linguagem divertida e acessível.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest

Share This